Sem Categoria

Silêncio Sepulcral – Sucesso em países árabes, críticos se calam

O sucesso das visitas aos países árabes, sendo muito bem recebido, homenageado e garantia de bilhões em investimentos, calou críticos árabes no Brasil sobre a relação com Israel

Fingem-se de mortos os críticos da visita do presidente Jair Bolsonaro a Israel, no fim de março. Juravam que os árabes estavam ofendidos, e não economizaram previsões catastróficas para as relações comerciais com aqueles países. Bolsonaro foi muito bem recebido e homenageado em todos os países árabes. Na Arábia Saudita, investimentos de US$ 10 bilhões (quase R$40 bi). Antes, havia sido saudado em Abu Dhabi com uma enorme bandeira do Brasil projetada no prédio mais alto.

“Especialistas em Oriente Médio”, agora mudos, foram localizados para advertir que o Brasil sofreria boicote comercial e até a ira terrorista.

Bolsonaro e a surpreendido com a projeção da bandeira do Brasil no prédio mais alto da cidade

A reação à aproximação a Israel beirou a histeria. Jornalões chegaram a transformar em manchete uma carta apócrifa de supostos diplomatas.

Apesar das cassandras de tragédias que jamais se confirmam, as exportações cresceram para os países árabes. Só em julho, 27%.

 

 

 

Da Redação com informações da Coluna Cláudio Humberto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *