- Seja Bem Vindo(a) ao Jornal Correio da Semana -

Sem Categoria

Mato Grosso é destaque em 18° Leilão de Biodiesel

Dos 600 milhões de litros de biodiesel vendidos no 18º Leilão de Biodiesel da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis  (ANP), realizado nos dias 27, 28 e 31 de maio, Mato Grosso foi o Estado participante que obteve mais destaque. Das 40 unidades produtoras participantes, 35 venceram, dessas, 15 foram de Mato Grosso com 150,1 milhões de litros arrematados, o equivalente a 25% do total. Com a conquista, Mato Grosso tende a crescer mais em qualidade de vida, emprego e renda. Os produtos leiloados pela ANP foram adquiridos pela Petrobrás e pela Refinaria Alberto Pasqualini (Refap). Em Mato Grosso, a unidade que mais vendeu foi a ADM com 68 milhões de litros, em segundo lugar ficou a Fiagril com 21,4 milhões de litros. A Região Centro-Oeste arrematou o maior volume com cerca de 273 milhões de litros de biodiesel. Em segundo lugar vem a Região Sul 168 milhões […]

Leia Mais >
Política

Feira de economia solidária na AL será realizada de 7 a 11 de junho

Na próxima semana o saguão da Assembleia Legislativa vai ganhar cor e arte. É a edição 2010 da exposição de economia solidária, que irá contar com a presença de aproximadamente 30 empreendedores de Cuiabá, Várzea Grande, Tangará da Serra, Poconé, Chapada dos Guimarães, dentre outros municípios. O evento será realizado em horário comercial, de 7 a 11 de junho. Tapetes, doces, bijuterias, licores, materiais reciclados de garrafa pet são alguns dos produtos que poderão ser encontrados no local. Economia solidária é definida como um jeito diferente de produzir, vender, comprar e trocar o que é preciso para viver. A filosofia desse jeito diferente compreende não explorar ninguém, não levar vantagem e sempre respeitar o meio ambiente. Auto-gestão e projeto coletivo são palavras que expressam bem a filosofia da economia solidária. Em Mato Grosso o Fórum Estadual de Economia Solidária (FEES/MT) foi formalizado em 26 de agosto de 2004 e tem […]

Leia Mais >
Esportes

Dunga entra na briga contra nova bola

Dunga esqueceu do mundo, o seu particular e o dos outros. Na sua cabeça gira apenas a seleção brasileira. Não há espaço para outras preocupações. Nem mesmo o dia a dia da sua família em Porto Alegre tira a concentração do treinador. Ele revelou ontem que a sua obrigação é o trabalho com os jogadores na Copa. E basta. Após o Mundial, seu projeto é parar com o futebol por pelo menos seis meses e, aí sim, dedicar-se aos familiares. “Quando a gente entra na seleção, nos focamos no trabalho, no que podemos fazer para dar o melhor para a seleção. Só assim podemos dar alegria ao torcedor brasileiro. Focar no trabalho, fazer o melhor que foi possível.” Até nas horas vagas, nas folgas dos atletas ou no descanso da companhia, ele não consegue relaxar. Trancado no Fairway Hotel, abrigo da seleção na África do Sul, cuida de todos os […]

Leia Mais >